A Epicondilite Lateral é a causa mais comum de dor lateral no cotovelo. Ela é popularmente conhecida como “cotovelo do tenista”, por ser uma lesão comum na prática deste esporte, porém pode acometer donas de casa, manicures, artesãos (tricô), músicos, marceneiros etc.

Cotovelo do tenista
Cotovelo do tenista

Aproximadamente 1 a 3% da população deve apresentar essa doença, sendo mais comum em pacientes entre 35-50 anos.

Os pacientes apresentam dor ou sensibilidade na região lateral do cotovelo, com irradiaçã0 para a região do antebraço. Podem apresentar fraqueza para segurar ou agarrar objetos (copos, maçanetas), dor ao apertar a região do cotovelo e dor ao dobrar o braço e/ou o punho.

A princípio, o tratamento é conservador: medicamentos (antiinflamatórios e analgésicos); órteses; fisioterapia; infiltrações; terapia de onda de choque; e Acupuntura. Em caso de falha no tratamento conservador, o tratamento cirúrgico passa a ser uma opção.

Estudos europeus demostraram que a acupuntura melhora a dor e a funcionalidade do cotovelo em pacientes com epicondilite lateral. O paciente pode associar o tratamento com acupuntura com outras modalidades terapêuticas simultaneamente, favorecendo assim a sua melhora.

Dor no cotovelo
Dor no cotovelo